Governo de SP libera R$ 60 milhões à Capital para enfrentamento ao coronavírus

Foto - Governo do Estado de São Paulo/Divulgação

Recurso será destinado à implantação de leitos de UTI e custeio dos hospitais da Brasilândia e Parelheiros

O Governo do Estado vai repassar R$ 60 milhões à Prefeitura de São Paulo, para fortalecer a assistência aos pacientes do SUS durante a pandemia do novo coronavírus.

“Anunciamos no final de março, dia 27 e, hoje, publicamos no Diário Oficial o repasse de R$ 60 milhões para a Prefeitura de São Paulo para o combate ao coronavírus. Os recursos são para a implantação de leitos de UTI e custeio dos dois novos hospitais da cidade, o de Brasilândia e o de Parelheiros”, destacou Doria.

O recurso será transferido do Fundo Estadual de Saúde para o Fundo Municipal de Saúde para implantação de leitos de UTI e custeio dos hospitais de Hospital de Brasilândia “Dr. Adib Jatene”, da zona Norte da capital e Hospital de Parelheiros “Josanias Castanha Braga”, na zona Sul.

O município deverá prestar contas à pasta estadual por meio de relatório de gestão anual, com as ações realizadas para enfrentamento à COVID-19.

Conforme balanço de hoje, dia 04 de abril, a capital concentra 3.496 casos e 212 óbitos relacionados à COVID-19, que correspondem respectivamente por 78 e 81% do total registrado em SP até o momento.

“Estamos auxiliando os municípios com recursos e orientações para que possamos, juntos, qualificar o atendimento à população do SUS. Mais de R$ 300 milhões já foram repassados às Prefeituras e, agora, reforçamos o suporte à Capital, que concentra a maior demanda por assistência, neste momento”, diz o Secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann.

Publicar um comentário

0 Comentários