Governo do Estado distribui cestas do programa Alimento Solidário para seis Regiões Metropolitanas

Imagem ilustrativa. Arquivo Portal Primus FM

Hoje os municípios beneficiados foram Bertioga, Itanhaém, Ubatuba, Santo André, São José dos Campos, Taubaté e Itu

O Governo do Estado de São Paulo, por intermédio das Secretarias de Desenvolvimento Social, Desenvolvimento Econômico e o apoio do Fundo Social de São Paulo e InvestSP, retomou a distribuição das cestas de alimentos do programa Alimento Solidário, iniciado no dia 17 de abril. A partir desta quinta-feira, 21 de maio, alguns municípios recebem o apoio, seguindo até o dia 26. Hoje os beneficiados foram Bertioga, Itanhaém, Ubatuba, Santo André, São José dos Campos, Taubaté e Itu. A Secretaria de Desenvolvimento Regional faz a interlocução com os municípios.

Com a intenção de auxiliar famílias em situação vulnerável, o programa vai até junho e as primeiras remessas chegaram à região de Carapicuíba. A iniciativa visa apoiar a população de baixa renda no combate à epidemia de coronavírus, que vem constatando aceleração de casos no interior e litoral do Estado, mesmo durante o regime de quarentena.

São seis regiões metropolitanas beneficiadas pelo programa. No total 130 municípios já foram contemplados e mais de 425.000 cestas já foram entregues. Os gráficos exibem a média de distribuições dos últimos três dias 18,19,20 e juntos somam 178.000 cestas entregues.

Preocupado com a Assistência Social, simultaneamente ao crescimento e a alta taxa de aceleração de novos casos do coronavírus em todas as regiões do estado de São Paulo, o Governo tem atuado em diversas frentes.

“Diante do grande desafio que o Governador João Doria e o Estado vêm enfrentando ao longo destes últimos meses é importante olhar não apenas para a economia e para a saúde, mas também para as vidas das pessoas mais carentes. Medidas preventivas, por meio de programas sociais como o Viva Leite, o Bom Prato, o Alimento Solidário são programas que ajudam os menos favorecidos.”, exaltou o Secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi.

Para os municípios que integram a região de Sorocaba, parte receberá os mantimentos na sexta-feira, 22 de maio. Isso se aplica a Araçariguama, Salto e Tietê. Ibiúna e Votorantim terão acesso as cestas de alimentos na próxima terça-feira, dia 26.

As demais cidades que recebem o auxílio são:
  • Mongaguá
  • Peruíbe
  • São Vicente
  • Rio Grande da Serra
  • Itaquaquecetuba
  • Salesópolis
  • Santa Isabel
  • Francisco Morato
  • Franco da Rocha
  • Embu-Guaçu
  • Juquitiba
  • Ferraz de Vasconcelos
  • Suzano, Areias
  • Cachoeira Paulista
  • Canas
  • Cruzeiro
  • Cunha
  • Lagoinha
  • Lorena
  • Pindamonhangaba
  • Potim
  • Santo Antônio do Pinhal
  • São Bento do Sapucaí
  • São José do Barreiro
  • Tremembé
  • Biritiba Mirim
  • Mairiporã
  • Pirapora do Bom Jesus
  • Artur Nogueira
  • Cosmópolis
  • Engenheiro Coelho
  • Pedreira
  • Batatais
  • Altinópolis
  • Brodowski
  • Cássia dos Coqueiros
  • Dumont, Guariba
  • Carapicuíba, Pontal
  • Santa Cruz da Esperança
  • Santo Antônio da Alegria
  • São Simão
  • Serra Azul
  • Taquaral
  • Sales Oliveira
  • Santa Rita do Passa Quatro
  • Taiúva
  • Tambaú
  • Araçoiaba da Serra
  • Cerquilho
  • Jumirim
  • Piedade
  • Sarapuí
Vale lembrar que a distribuição dos comestíveis está sendo feita com apoio da Rede de Assistência Social Municipal e das Diretorias Regionais de Assistência Social. O programa deve ter forte impacto junto às famílias em situação de vulnerabilidade social. Oportunamente, o programa será estendido aos 645 municípios do Estado de São Paulo.

O projeto tem investimento mensal de R$ 110 milhões e vai beneficiar quatro milhões de pessoas em situação de extrema pobreza no Estado. A intenção é levar alimento para as famílias cadastradas no CadÚnico (cadastro federal oficial para inclusão em programas de assistência social e transferências de renda), que possuem renda de até R$ 89,00 per capita mensal. Para receber a cesta, o beneficiário deverá apresentar o Número de Identificação Social (NIS).

Publicar um comentário

0 Comentários