Praça Rochinha é pedida para comemorar o Dia do Sorvete em Sampa

Sorvetes da marca são feitos com fruta de verdade. Foto - Divulgação

Tradicional marca do litoral norte tem três lojas na capital com sabores icônicos em massa e no palito

Dia 23 de setembro é o Dia do Sorvete. A escolha da data não é por acaso: no mesmo dia chega a Primavera, a estação das flores e de temperaturas mais altas, com dias agradáveis e propícios para se deliciar com gelados de massa e picolé.

O sorvete, além de ser um produto altamente refrescante, pode ser um alimento que contém todas as vitaminas ideais para o corpo como A, B, C e E, além de nutrientes como o cálcio e o ferro.

Nas Praças Rochinha da capital - Moema, Mooca e Tatuapé - é possível encontrar uma variedade enorme de sorvetes. De massa, destaca-se os de fruta como o coco branco tradicional e zero, abacate, rochello, maracujá com goiaba, merengue de morango e pudim de leite, além de opções mais restritas sem glúten, lactose e adição de açúcares.

Os famosos picolés têm versões de todos os tipos, entre os sucessos estão os sabores coco branco - tradicional, com doce de leite, com abobora e zero adição de açúcares - milho verde, abacate, melancia e tangerina. Entre os lançamentos no palito estão: morango zero adição de açúcar, amarena Fabbri - com cereja italiana - e manga com água de coco. Para quem não abre mão das calorias a mais: pão de mel e amendoim com casquinhas de chocolate são ótimas pedidas.

Picolé Coco branco com doce de leite é um dos queridinhos da marca. Foto - Divulgação

Os locais têm aquele clima de praia gostoso, com ambientes ao ar livre, guarda-sol de palha área da animais de estimação. A ideia é proporcionar ao cliente momentos agradáveis que relembram o sol, o mar e o litoral norte paulista, berço da marca Rochinha.

As lojas estão abertas em horários restritos, conforme orientação da prefeitura municipal, de segunda-feira a sexta-feira (os horários estão no site aqui) . Já na entrada, estão disponibilizados displays de álcool em gel para higienização. O ambiente foi devidamente sinalizado para a obrigatoriedade de uso das máscaras de funcionários e clientes.

O serviço, antes no formato “faça você mesmo” foi retirado. Agora, as bolas de sorvete e os complementos são adicionados por um funcionário, com a devida higienização das mãos, luvas e uso de proteção facial. No interior das lojas, é permitida permanência de 40% da capacidade, sem aglomerações, com distanciamento de 1,5 metros entre as pessoas. Nas áreas externas, o distanciamento social também é obrigatório.

Além disso, todos os equipamentos de ar condicionado foram higienizados. As normas também preveem limpeza dos espaços, balcões e itens a cada duas horas. As três lojas mantêm ainda o serviço delivery pelos aplicativos IFood, Rappi e Uber Eats, além da Shopper.

Publicar um comentário

0 Comentários