Jovens paulistas são eleitos para o Conselho Estadual da Juventude

Foto - Divulgação/site SDR

Doze jovens ocupam a cadeira cativa no órgão. Outros nove ocupam a posição de suplentes

A Subsecretaria Estadual da Juventude, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR), divulgou na manhã de sexta-feira, 06 de novembro, a lista dos jovens paulistas eleitos para representar a sociedade civil no Conselho Estadual da Juventude. Ao todo, 12 jovens foram eleitos para cadeira cativa no órgão e outros 9 ocupam a posição de suplentes.

“O Conselho Estadual da Juventude é um instrumento importante na interlocução entre o governo e a sociedade civil, garantindo maior equilíbrio e qualidade das políticas públicas para a juventude de SP”, afirmou o Secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi.

Foram eleitos oito jovens Conselheiros e cinco Suplentes pelo Grupo I - Dirigentes de entidades do terceiro setor ligadas à questão da juventude, atuantes nas áreas de educação e movimento estudantil; trabalho, emprego e geração de renda; esporte e lazer; saúde e qualidade de vida; meio ambiente; diversidade religiosa, racial, étnica, sexual e de gênero; deficiência e mobilidade reduzida e cultura.

As áreas de trabalho, emprego e geração de renda; diversidade religiosa, racial, étnica, sexual e de gênero; e cultura não elegeram conselheiros suplentes, sendo assim, a SDR realizará em breve uma nova eleição para preencher as vagas restantes.

Outros quatro Conselheiros e quatro Suplentes foram eleitos pelo Grupo II - Representantes de organizações e movimentos de juventude, não constituídas juridicamente, com sede no estado de São Paulo, pelo menos 1 ano de funcionamento e que tenham comprovado atuação na mobilização, organização, promoção, defesa ou garantia dos direitos relativos à temática.

“Com a eleição e criação do conselho, reafirmamos nosso compromisso com uma gestão que dialoga com todos”, afirma o subsecretário da Juventude, Luiz Oliveira.

Conselheiros em atuação

A principal função dos Conselheiros é propor e consolidar ações que estão sendo desenvolvidas em todas as Secretarias Estadual que atendem o público jovem de 15 a 29 anos.

Os jovens Conselheiros atuarão no desenvolvimento de estudos, debates e pesquisas sobre a juventude; conscientização dos setores da comunidade para a realidade da juventude, suas necessidades e potencialidades; promoverão campanhas de conscientização e programas educativos, particularmente junto a instituições de ensino e pesquisa, empresas, veículos e comunicação e outras entidades sobre as potencialidades, necessidades, direitos e deveres dos jovens; apoiarão realizações e instituições nacionais ou internacionais, além de opinar e votar nas mais diversas propostas de políticas públicas.

As funções de membro do Conselho não serão remuneradas, porém, são consideradas como de serviço público relevante. O mandato será de 2 anos.

Nomeação e Posse

Após divulgado o resultado final, os membros da sociedade civil eleitos, juntamente com o nome dos representantes do governo serão nomeados por meio de publicação no Diário Oficial do Estado (DOE).

A posse dos candidatos será realizada nesta segunda-feira, 09 de novembro, no Palácio dos Bandeirantes, com a presença do Governador João Doria, do Secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi e do Subsecretário da Juventude, Luiz Oliveira.

O início das atividades pode ser prorrogado por deliberação do Presidente do Conselho levando em consideração as medidas relacionadas ao enfrentamento da pandemia de Covid-19.

Publicar um comentário

0 Comentários