Últimas

6/recent/ticker-posts

Trupe Benkady apresenta o projeto Sons d'Oeste em seis cidades do estado de São Paulo

Foto - Bia Varella

Dança e música africanas - movimentos da cultura mandingue, com as etnias Malinké, Baga e Sussu, da região da Guiné Conacri

Com apresentações gratuitas, de 28 de julho a 21 de agosto, a Trupe Benkady realiza o projeto Sons d'Oeste, em seis cidades do estado de São Paulo: Atibaia, São Bernardo, São Caetano, Santos, Santo André e Campinas. O projeto foi contemplado no Edital ProAc Expresso Direto 38/2021- Programa de Ação Cultural no Fomento Direto a Projetos Culturais - Modalidade Dança. Além das apresentações, está prevista, uma oficina de dança africana presencial e a disponibilização no canal do YouTube da Trupe Benkady da gravação de uma das apresentações presenciais do espetáculo.

O espetáculo Sons d'Oeste tem como intuito dialogar com memórias ancestrais que se manifestam por meio dos ritmos africanos e suas danças milenares com a atualidade. Sons D’Oeste é um espetáculo que experimenta timbres da natureza e une diferentes instrumentos ancestrais de percussão em cena, trabalhando ritmos tocados no passado e vivenciados no presente. A apresentação é uma conversa entre os ritmos e movimentos tradicionais da cultura mandingue, com ênfase nas etnias Malinké, Baga e Sussu, da região da Guiné Conacri, reconhecida mundialmente por seus balés.

Foto - Bia Varella

Com dança e música tradicional, o trabalho traça, sob a ótica deste peculiar povo do oeste africano, um cenário das situações sociais mandingues, dentre as quais algumas também são encontradas no Brasil. A dança é inspirada nos rituais cerimoniais dos povos da Guiné. Na cultura dessa região, a música e a dança fazem parte do cotidiano, havendo danças, cantos e ritmos específicos para cada ocasião social como batismos, iniciações, casamentos, trabalho no campo e ritos de passagem. A estreia do Sons d'Oeste aconteceu em 2018 e de lá para cá foi apresentado em várias unidades do Sesc, Casas de Cultura, calçadões e ruas, entre outros espaços culturais.

Com música ao vivo, o espetáculo utiliza instrumentos tradicionais da cultura africana. Os instrumentos percussivos são uma produção de Luiz Poeira, do Instituto Tambor, um ateliê que produz manualmente cada instrumento, confeccionando-os como em seu país de origem. As canções são releituras de trechos de canções da cultura tradicional da Guiné, entoadas pela cantora Sarah Roston. A pesquisa e concepção do figurino do espetáculo foi realizada pela Trupe Benkady e pela artista Vera Luz, baseado nos costumes e tradições da África oeste, em especial da Guiné Conacri.

Foto - Bia Varella

A Trupe Benkady foi fundada em 2010 pela dançarina e coreógrafa Flavia Mazal, pesquisadora da cultura mandingue que, por meio de estudo aprofundado, coreografou releituras das danças tradicionais dos balés da Guiné Conacri e formou o grupo de dança africana. Clique aqui e confira o espetáculo realizado no Sesc Belenzinho em 2019.

Ficha técnica
Sons d'Oeste
Concepção e Direção - Flavia Mazal
Dançarinos - Flavia Mazal, Ton Moura, Mavi Ramos, Facinet Touré e Alessandro Mesquita
Direção Musical - Hiles Moraes
Músicos: Hiles Moraes (Djembe), Leandro Santos (Trio de Dununs), Joan Barros (Guitarra) e Rogerio Nascimento (Balafon)
Cantora - Sarah Roston
Proponente do Projeto - Solange Rocco | Ba Rocco Produções
Direção de Produção e Produção Executiva - Leo Accetto
Assessoria de Imprensa - Miriam Bemelmans | Bemelmans Comunicações
Fotos - Bia Varella
Produção e Realização - Trupe Benkady e Leo Accetto

Serviço
Sons d'Oeste
Temporada - de 28 de julho a 21 de agosto
Apresentações gratuitas
Duração - 50 minutos
Classificação - livre

Data - 28 de julho - quinta-feira
Horário - 20h
Local - Cine Itália Cultural - Festival de Inverno de Atibaia
Endereço - Rua Visconde do Rio Branco, 51 - Centro - Atibaia (SP)
Para mais informações clique aqui

Data - 31 de julho, domingo
Oficina de dança africana
Horário - 14h30
Inscrições pelo email aqui
Informar nome completo, RG, telefone e se é ligado(a) a alguma escola ou instituição de dança.
Horário da apresentação do espetáculo - 18h30
Local - Teatro Elis Regina
Endereço - Avenida João Firmino, 900 - Assunção - São Bernardo do Campo (SP)
Informações 11 4351-3479

Data - 05 de agosto - sexta-feira
Horário - 20h
Local - Teatro Santos Dumont
Endereço - Avenida Goiás, 1111 - Centro - São Caetano do Sul (SP)
Informações 11 4221-8347 e 11 4238-3030

Data - 07 de agosto - terça-feira
Horário - a confirmar
Local - Teatro Guarany
Endereço - Praça dos Andradas, 100 - Centro Histórico - Santos (SP)
Informações 13 3219-3828

Data - 12 de agosto - sexta-feira
Horário - 16h
Local - Cine Theatro de Variedades Carlos Gomes
Endereço - Rua Senador Fláquer, 110 - Centro - Santo André (SP)
Informações - 11 4436-3631

Data - 21 de agosto - domingo
Virada Cultural Campinas (SP)

Enviar um comentário

0 Comentários